Doce de Ameixas Aromatizado com Anis



Numa altura do ano em que as ameixas aparecem como por magia cá em casa, a maneira que tenho de as aproveitar é em doce.
Já fiz várias versões deste doce, aromatizando com especiarias diferentes.
O que vos mostro em seguida levou anis, uma especiaria doce bem do meu agrado.

Uma chamada de atenção apenas:
Grande parte das receitas de doces caseiros, seja na net seja em livros, indica que a quantidade de açúcar a utilizar para um doce é proporcional à quantidade de fruta que se utiliza.
Isto é que deve usar-se a mesma quantidade de açúcar e de fruta, para 1 quilo de fruta adiciona-se 1 quilo de açúcar e depois poderá, ou não, aromatizar-se a gosto.
E faz-se muita vez a chamada de atenção para não se reduzir a quantidade de açúcar pois é este ingrediente que preserva o doce por mais tempo.
Ora eu não sigo esta regra :)
Tenho cá as minhas manias [se vocês soubessem de todas!!!!] e acho um exagero tanto açúcar quando a fruta que utilizo é docinha e bem madura.
Mas atenção que esta é apenas a minha opinião, e alerto para o facto de não ser gulosa, ou pelo menos não apreciar doces exageradamente doces. 
Além disso eu congelo os meus doces, como já referi várias vezes aqui no blog.
Por isso mesmo não preciso que o doce fique meses e meses estacionado na despensa à espera de ser consumido. Congelando fica sempre impecável, não perde propriedades e não precisa de quilos de açúcar para o conservar.
Quero um doce feito com fruta e adoçado com açúcar a meu gosto e não um doce enjoativo de tanto açúcar que leva apenas para durar mais tempo.
Mas volto a repetir que é a minha opinião, é a maneira como eu faço os doces cá em casa e até hoje não tive razões de queixa :)
A proporção que utilizo é de metade de açúcar para o peso da fruta, mas por vezes coloco ainda menos de metade do peso da fruta se esta for muito doce.
No caso das ameixas não se verificou, a ameixa tem sempre um travo ácido, mas com pêssegos ou cerejas, que são frutas bem doces, coloco ainda menos de metade.

O que cozinhamos deve ser feito a nosso gosto, ao gosto de quem come e não seguindo cegamente as "regras" de culinária.
É muito importante que cada um de nós cozinhe como ache mais saboroso, mais apropriado.

Ingredientes:
| 500 gr. de Ameixas descascadas e sem caroço
| 250 gr. de Açúcar
| 1 colher [de sobremesa] de Anis, usei anis em grão

Preparação:
Descasca-se e retira-se o caroço às ameixas.





Coloca-se as ameixas no copo da Bimby, junta-se o açúcar e o anis.





Programa-se 30 min., vel. colher inversa, temp. 100º.

No meu caso precisei de programar mais 15 min., vel. colher inversa, temp. varoma.
Coloquei o cesto por cima para não salpicar e apurar bem o doce.

O tempo de cozedura depende muito da fruta utilizada.
Optei por não triturar a fruta, cozinhei inteira e, ao amolecer, foi-se desfazendo naturalmente deixando ainda uns pedaços maiores, que aprecio imenso nos doces.
O mesmo se verificou com o anis, eu gosto muito de ver e se sentir as sementes depois ao comer, mas poderá ser tudo triturado.
Quem preferir tudo bem triturado poderá dar uns toques de turbo e triturar a fruta antes de iniciar a cozedura.
Como fiz uma quantidade pequena não congelei, mas geralmente transfiro o doce para caixas de congelação e mantenho no congelador. Quando necessito basta retirar a quantidade a gosto, que sai com muita facilidade pois os doces nunca congelam totalmente, ficam apenas mais consistentes.

Etiquetas: